Países que tem inglês como língua principal

Quando pensamos em quais países as pessoas falam inglês como idioma nativo, imediatamente nos lembramos dos Estados Unidos e do Reino Unido. Com um pouco mais de esforço, podemos pensar em Austrália e Canadá, mas dificilmente sabemos identificar mais países e perceber que, mesmo entre estes, a relação dos Estados e do idioma enquanto língua oficial apresenta características bem distintas, dependendo do lugar. 

Só existem quatro países em que o inglês é a língua oficial na Constituição ou na prática e é usada como único idioma pela esmagadora maioria da população em todos os âmbitos: Estados Unidos, Austrália, Reino Unido e Nova Zelândia.

Oportunidade: Quer aprender inglês rápido? Veja o ranking dos melhores cursos de inglês online – Clique Aqui

Há um número bem maior de países que possuem o idioma como língua oficial por lei, mas não o utilizam da mesma forma que os quatro acima. 

Ao total, mais de 60 países e entidades não-estatais o possuem como um dos idiomas oficiais, cada um à sua maneira. Mas somente em 18 deles, independente da circunstância, o povo fala sobretudo inglês ou um derivado de inglês no cotidiano:

  1. REINO UNIDO
    O idioma inglês é uma língua de raiz germânica que surgiu em decorrência da mistura de vários dialetos que conviveram nas ilhas do arquipélago britânico. Ele não é mencionado constitucionalmente, mas é falado com exclusividade por 90% da população no Reino Unido, uma união política constituída pela Inglaterra, onde se concentra a maior parte dos falantes de inglês, e pelos países Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte, que possuem os dialetos escocês, galês e irlandês, mas também falam principalmente inglês.

Apesar das terras norte-americanas terem sido tomadas por colonos de diversas nacionalidades europeias, foram sobretudo os ingleses que colonizaram em grande número a região, devido à situação de perseguição religiosa generalizada na Inglaterra com a imposição da religião anglicana. Rapidamente, colônias não-inglesas foram incorporadas pela grande sociedade inglesa-americana que se formou relativamente rápido.

  1. ESTADOS UNIDOS
    O Estados Unidos também não possui um idioma apontado pela Constituição, mas a esmagadora maioria do povo fala unicamente inglês e vinte e oito estados dos cinquenta que formam o país explicitam o inglês como língua oficial na lei.
  1. AUSTRÁLIA
    A Austrália também não tem o idioma mencionado na lei, mas na prática não há dúvidas de que o inglês é o idioma mais falado lá. Cerca de 76% da população australiana tem ascendência europeia, sobretudo inglesa e irlandesa. Por gerações, britânicos foram praticamente os únicos a colonizarem a ilha.
  1. NOVA ZELÂNDIA
    A história da Nova Zelândia em relação ao idioma é parecida com a da Austrália e o sotaque neozelandês é também muito similar ao australiano.

Apesar do inglês ser a língua mais falada no país (por 98% do povo!), a NZ também reconhece o idioma aborígene Maori e a língua neozelandesa de sinais como oficiais.

  1. ANTÍGUA E BARBUDA
    Este país do Caribe é constituído por 37 ilhas onde, além do inglês, que é a única língua oficial, também é falado um crioulo caribenho de base inglesa, localmente chamado de crioulo antiguano.
  1. AS BAHAMAS
    Também parte da comunidade caribenha, as Bahamas foi uma colônia do Reino Unido e se tornou independente somente em 1973. O inglês é a única língua oficial e há um crioulo local de base inglesa. Outras línguas crioulas também são faladas nas Bahamas.
  1. BARBADOS
    De forma muito parecida com as Bahamas, a ilha de Barbados se tornou independente do Reino Unido em 1966. O crioulo de base inglesa mais falado em Barbados se chama Bajan (pronuncia-se Bay-jun), que é o dialeto do Caribe com a gramática que mais se assemelha ao inglês padrão.
  1. BELIZE
    Situado na América Central, fazendo fronteira com o México e com a Guatemala, o pequeno país Belize tem inglês como oficial mas também reconhece como línguas nacionais o espanhol, o crioulo belizenho, garífuna e línguas maias. Foi colônia do Reino Unido até 1981.
  1. CANADÁ
    No Canadá há duas línguas oficiais: inglês e francês. Há regiões em que se falam amplamente ambos os idiomas, outras em que só se fala inglês e outras que só se fala francês. Percentualmente, o inglês é o idioma mais falado no Canadá, com 67,5% da população falando apenas inglês, 13,3%  apenas francês e 17,7% ambas as línguas.
  1. DOMINICA
    Voltando ao Caribe, Dominica se tornou independente do Reino Unido em 1978. O inglês é a única língua oficial mas são também comuns o crioulo dominiquense e o francês.
  1. GRANADA
    Granada declarou independência do Reino Unido pouco antes de Dominica, em 1974. Lá, o inglês é o único idioma oficial mas o governo reconhece como línguas nacionais o crioulo de base inglesa de Granada e o crioulo de base francesa de Granada.
  1. GUIANA
    Na América do Sul, a região chamada de As Guianas também tem um histórico de colonização britânica e francesa, mas houveram tratados que dividiram a região entre os colonos, gerando a Guiana Britânica (que se tornou Guiana após a independência em 1966), a Guiana Francesa e a Guiana Holandesa (que se tornou Suriname).
  1. ILHAS COOK
    As Ilhas Cook são um país soberano, mas politicamente anexado à Nova Zelândia. As línguas oficiais são o Inglês e o Maori das Ilhas Cook (também chamado Rarotongan), mas outras línguas também são faladas, como tongarevan, rakahiki e pukapukan.
  1. IRLANDA
    A ilha da Irlanda tem o lado norte, que faz parte do Reino Unido, e o lado sul, que é um país soberano. Na República da Irlanda são reconhecidos como oficiais tanto o inglês quanto o irlandês.
  1. JAMAICA
    O inglês é a única língua oficial da Jamaica, mas os jamaicanos também falam o Patoá Jamaicano, também conhecido como simplesmente Jamaicano, que é o crioulo local de base inglesa. A palavra patoá vem de patois na origem francesa e também é escrita assim em inglês, ela significa “dialeto” e é muito usada na Jamaica.
  1. SÃO CRISTÓVÃO E NÉVIS
    Independente do Reino Unido desde 1983, este país do Caribe tem somente inglês como oficial, é soberano, uma democracia parlamentar e monarquia constitucional, tendo a Rainha Elizabeth II como chefe de Estado. O crioulo de base inglesa de São Cristóvão e Névis é falado por cerca de 39 mil pessoas.
  1. SÃO VICENTE E GRANADINAS
    Independente do Reino Unido desde 1979, este país do Caribe tem somente inglês como oficial. São Vicente e Granadinas é uma democracia parlamentar e monarquia constitucional, tendo a Rainha Elizabeth II como chefe de Estado. Lá também se fala um crioulo vicentino de base inglesa e, apesar de menos comum, a influência do francês também é muito forte.
  1. TRINDADE E TOBAGO
    Trindade e Tobago tem duas línguas oficiais: inglês e espanhol. O idioma mais falado de fato é o crioulo inglês de Trindade. A principal língua falada na ilha de Tobago é o crioulo inglês de Tobago. Ambas as línguas contêm elementos africanos e o inglês de Trindade também é influenciado pelo francês e pelo hindi. Estas línguas crioulas são normalmente faladas apenas em situações informais e o inglês padrão nas demais situações. Devido a sua localização geográfica, o país aderiu ao espanhol como oficial na esperança de evoluir nas relações com os vizinhos americanos e se distanciar do passado de colônia britânica.

Não Fique de Fora:

E, se você está procurando algo definitivo, do básico a fluência, e nada que você já tentou deu certo. Veja se você já não viu essas opções que já ajudaram mais de 1300 pessoas a aprender inglês fluente. Clique no botão abaixo para ver:


redes sociais:

Recomendados para você:

    Últimos posts por Arantxa Pellicer Meira (exibir todos)
    Se inscreva
    Me notifique

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    0 Comentários
    Comentários em linha
    Exibir todos os comentários