Como Sair Do Inglês Intermediário [Um Artigo Sincero]

Parabéns você alcançou a mediocridade, em que a cerveja nem é quente e nem gelada.

Esse trecho foi retirado da série “The Good Place” onde o personagem após a morte, segundo a ideia de céu e inferno não pertencia ao lugar bom e nem ao ruim - era mediocridade.

Uso esta análise em comparação: se você entende apenas “50%” de um seriado em inglês, só consegue entender a “ideia central”, tirando todo o seu prazer de assistir a ele e o impedindo de ouvir e entender as piadas adequadamente.

Você não consegue pensar rápido e responder rápido em uma conversação, e o estrangeiro sempre fica preocupado pensando que está falando rápido demais, o que  tira todo o clima da conversa. Você busca terminar rápido porque se sente angustiado, não se sente confiante e confortável falando inglês.

Você está na mediocridade, e quero saber:  foi bom você estar aqui lendo esse artigo? Pode ser sincero...

Inglês intermediário não adianta nada. Aliás, os entrevistadores de emprego já o qualificam como negativo. Se você simplesmente disser intermediário não é um bom sinal.

Ninguém quer alguém que não conquista tudo por completo, ninguém quer um funcionário intermediário se tratando de empresas multinacionais que pagam bem.

Verifique seu nível

Eu utilizo muito o quadro de nível europeu (forma de avaliação do nível de domínio de inglês utilizada na Europa). Você pode testar seu nível baixando o quadro e se identificando com um dos níveis.

Dessa forma você tem certeza em que nível está e com base nisso tomar melhores decisões de aprendizado conforme seu nível.

Isso é importante, já que é muito difícil você seguir os exercícios abaixo se você estiver apenas no básico e talvez não valha a pena.

O que eu fiz para sair do Inglês Intermediário

Primeiro é preciso entender que hoje eu sofro da maldição do conhecimento, então eu não consigo me colocar na situação em que eu era intermediário novamente, já que isso já faz um tempo.

Hoje eu assisto a séries totalmente em inglês, mesmo sem legenda em inglês, e entendo.

Ouço uma música em inglês e entendo como se estivesse em português e já passei 1 hora com um consultor estrangeiro de marketing digital com o qual falei por todo o tempo, e ao final eu pensei “caramba foi super de boa falar”! É realmente uma sensação muito gratificante!

Porém eu ainda sou ruim na escrita: consigo escrever artigos inteiros, mas dependo de revisão.

Mas o que eu fiz para sair do intermediário?

EMPURRE O INGLÊS NA SUA CABEÇA

Assim como uma academia, o principal erro das pessoas que estão no intermediário é  continuar com os mesmos tipos de exercícios ou mesma intensidade, se comparamos a uma academia: se você permanecer com o mesmo peso, seus músculos não vão evoluir. É preciso de tempos em tempos aumentar a carga para que assim ocorra o processo de hipertrofia.

Com o inglês é a mesma coisa, é preciso aumentar o peso dos exercícios para que você saia do intermediário e possa fazer parte de quem fala realmente inglês fluente.

Não se preocupe, vou ensinar você como fazer isso.

Uma ideia básica que utilizei foi no artigo Plano de Estudo. É interessante lê-lo antes de continuar com esse exercício.

Basicamente quantas horas você se dedica a estudar inglês por dia?

1 hora?

E se você multiplicar por 10 a quantidade de horas que você se dedica ao inglês?

Mas e se você não tem esse tempo todo para estudar?

Utilize Podcasts

Uma mentalidade que quero que você crie e que pode parecer loucura é que você deve ouvir inglês até no banho, em modo de alto falante.

E foi o que fiz: eu ouvia cerca de 4 horas a 5 horas de podcast por dia conforme o plano de estudo.

Perceba que a intenção é empurrar inglês no cérebro.

Quais podcast ouvir? O Assunto que lhe interessar.

Você poderá ter dificuldades para entender, mas essa é a intenção - se você quer aumentar, seus “músculos” quanto mais difícil melhor.

Eu não recomendo utilização de Podcasts voltados para English as Second Language porque você não está procurando pessoas que falam lentamente para que você entenda. Na vida real essas pessoas não existem, não se preocupam com “falar lentamente e pausado” - elas simplesmente falam de forma natural.

Você deve procurar material que é feito para nativos. Agora se você está iniciando agora eu recomendo os ESL.

Entretenimento em inglês

Você costuma assistir à Netflix?

Busque assistir em inglês e sem legenda em inglês. (Procure ver um episódio de série por dia)

Costuma ler livros?

Procure literatura em inglês. (Hoje leio 25 páginas em inglês por dia)

Pode parecer chato e muito esforço no início, mas isso é como aprendemos: são as 4 etapas do aprendizado, onde o objetivo é que você busque ser tão bom que a habilidade “falar inglês” será executada inconscientemente, sem que demande de você esforço.

Esquece esse negócio de aprender inglês sozinho

Eu sei que é a principal premissa do meu blog: aprender inglês sozinho.

Mas tem uma hora que não dá mais galera, vocês vão precisar de ajuda agora ou mais tarde.

Eu tinha muita dificuldade com a escrita apesar de conseguir escrever, eu não era capaz de ter certeza que aquilo tudo estava certo e tinha que recorrer a um revisor, o qual mostrava muitos erros comuns de estrutura gramatical.

Assim como na fala, apesar de falar naturalmente, eu tinha alguns erros e algumas palavras melhores que podia colocar para que assim minha fala ficasse melhor e com menos erros possível.

E isso só é possível com um professor dando uma atenção especial a você ou um nativo, e você pode saber como  encontrar um aqui neste artigo.

Só uma coisa: você pode sim aprender inglês até um nível nativo e falando muito bem sozinho... só estou falando que será muito mais fácil ter alguém para apontar os seus erros.

Somente um mês

Experimente colocar essas dicas em prática por somente um mês, esqueça outras teorias e coloque as ideias que foram passadas por um mês.

É tudo o que você precisa para alavancar o seu inglês. A principal razão do seu inglês não ter evoluído é essa questão da prioridade de ser encarado como uma única coisa.

Possuo um livro que não está à venda chamado o plano de 66 dias para fluência em inglês para pré-intermediários a avançados.

E lá eu digo exatamente isso: procure se comunicar e se comunicar e mais se comunicar e o destravamento no seu inglês será perceptível rapidamente.

O grande erro do pessoal do intermediário é achar que o inglês deve ficar eternamente nos livros, nos cursos, decorando lista... você tem que se comunicar se você quer realmente aprender o idioma.

Tudo o que não é importante o seu cérebro vai esquecer e você precisa tornar o seu inglês importante.

Em referência àquela frase “Você vive como se nunca fosse morrer”, a frase abaixo demonstra a habilidade de muito adultos que só aprendem por fazer, nunca se dedicam de verdade:

Você aprende como se nunca fosse viajar, se nunca fosse consumir de verdade a língua em inglês.

Então você tem que tomar uma atitude por que chegou na mediocridade e agora pode ter acesso à língua inglesa por completo, mas para evoluir precisa sair do casulo e pensar fora da caixa.

Ou pode ser que você se torne mais uma dessas pessoas que passam séculos apenas aprendendo inglês em vez de usar essa habilidade.

Summary
Article Name
Como Sair Do Inglês Intermediário [Um Artigo Sincero]
Description
Dicas práticas para sair do inglês intermediário.
Author
Publisher Name
aprendafalaringles.com.br
Publisher Logo

1
Deixe um comentário

avatar
1 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
1 Comment authors
Sandra Recent comment authors

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Sandra
Visitante
Sandra

Gostaria de saber como obter seu livro 66 para fluencia. Obrigada!