Simple Past vs. Present Perfect: quando usar?

Se você vem estudando acompanhando nosso guia de gramática, você já aprendeu que o “passado de verdade” é o simple past, e que o present perfect é o passado que faz um link com o presente. Discernir os dois tempos verbais é um desafio para nós, brasileiros, porque nós não fazemos a diferenciação da mesma forma no Português – aqui, traduzir vai te fazer mais confuso. 

Vamos relembrar a estrutura dos dois passados e depois vamos compará-los.

A estrutura do Simple Past

Para formarmos as frases afirmativas, vamos usar o verbo no passado, e ele é igual para todas as pessoas!

I went to the movies with Kim yesterday. – to go
She saw her cat jumping out the window. – to see
We talked to Ms. Jane this afternoon and she said we can postpone the project. – to talk, to say

Os verbos são divididos em regulares [terminados em -ed] ou irregulares. Confere estes artigos para revisar este assunto!

Nas perguntas e negações, nós temos a partícula did. Assim como acontecia com o does, no simple present, o verbo aparece no infinitivo quando usamos did.

Além do verbo no passado, o simple past também nos pede um marcador de tempo, ou seja, quando algo aconteceu: [two months] ago, last week, in January, last Monday…

No último exemplo da imagem, I forgot my book here, estamos falando de uma prova que vai acontecer em alguns instantes. Assim, é implícito que não faz sentido que o livro tenha sido esquecido esta manhã na escola, assim como a ideia de estarmos estudando “até agora” não cabe.

A estrutura do Present Perfect

O present perfect tem como estrutura básica [have ou has] + [verbo no particípio]. Olha só:

I‘ve been to Canada once. [to be]I haven’t been to Canada yet.
You‘ve played too much video game.You haven’t played with your new toy.
She‘s watched all episodes since day #1.She hasn’t watched TV since May.
The machine has torn my card into pieces. [to tear]It hasn’t torn the paper properly..
We‘ve won three medals so far. [to win]We haven’t won anything yet.
They have just arrived.They haven’t arrived yet.

Para fazer perguntas, desloque o auxiliar para o começo da frase, mas não esqueça que as question words vem sempre antes. No simple past, o verbo volta à sua forma original porque o “did” aparece. Aqui no present perfect, o verbo é usado sempre no particípio! Este site é muito útil caso você precisa pesquisar o passado ou particípio de algum verbo.

Todos os tempos verbais tem as suas expressões típicas, e não é diferente com o present perfect. Você vai encontrar expressões como since, for, ever, yet e already. Todas elas estão trabalhadas neste link.

Interchangeable Cases

Antes de qualquer coisa, eu preciso dizer que, se as duas verb tenses fossem quase iguais, certamente não existiriam duas delas! Mas apesar disso, você vai ser compreendido tranquilamente boa parte das vezes em que se pegar confuso entre um ou outro tempo passado.

Isso acontece porque a diferença fundamental entre o present perfect e o simple past é o efeito daquilo no presente. Se você quebrar a perna hoje, este assunto vai ser uma novidade na sua rotina por, digamos, pelo menos um mês. Então ao contá-la, você talvez deseje dar ênfase nisso usando o present perfect, ao invés de contá-la deixando implícito o tom de história passada trazido pelo simple past.

A escolha obrigatória entre um e outro é realmente obrigatória em alguns casos, mas grande parte dos casos acaba sendo interchangeable porque, dentro de um contexto de conversa, sabemos mais ou menos quando algo aconteceu, seja com nossos amigos ou em sociedade.

– Would you like to have lunch with me today?
– I’d love to, but I already ate. / I’d love to, but I’ve already eaten.

Dois diálogos para referência futura

– How is Mary?
– I haven’t talked to her in a while, like seven months or so. But she was doing great last time we spoke. She was living the dream. Oh, and Mary had a baby!

– Gil, I have to tell you something! Mary has had a baby!! I didn’t even know she was pregnant.
– Oh my God! That’s crazy! How did you find out?
– She posted lots of stories of her at the maternity room like 30 mins ago.

O Simple Past

Como foi dito acima, você não precisa entrar em parafuso para sentir-se entendido. São tempos verbais com diferenças sutis. Assim, você vai usar o Simple Past para falar das coisas que aconteceram no passado e ficaram no passado – como acontece quando contamos uma história.

Nos diálogos de exemplo acima, foi usado Simple Past para todas as ações que ficam no passado:

  1. She was doing great last time we spoke. – quando foi o last time? Minha amiga não tem certeza, mas aconteceu há algum tempo, talvez sete meses atrás.
  2. Mary had a baby. – estou conversando com uma amiga sobre Mary, pergunto “how is Mary?”, e ela me diz que não fala com ela já faz algum tempo, talvez sete meses, mas que ela estava super bem na última vez que falaram. E então minha amiga lembra da fofoca/notícia: Oh, and Mary had a baby!. Aqui o Simple Past faz sentido porque, apesar de ser uma novidade para mim, é algo que aconteceu já há algum tempo. Aqui tudo o que poderia ser sentido ou desejado sobre aquele momento já foi resolvido.

Assim, você vai usar o Simple Past para as ações que:

  1. já estão resolvidas ou encerradas, ou seja, quando você [no presente] já não pode mais mudar nada.
  2. tem um tempo definido de ação, ou seja, você sabe quando começaram e quando terminaram, ainda que não saiba a data exata.
  3. ocorreram em outra época da sua vida, independente de terem sido repetidas ou pontuais.

O Present Perfect:

Aqui nós vamos tratar das coisas passadas que ainda nos impactam no presente. Assim, vamos usar o Present Perfect para as ações que:

  1. começaram no passado e seguem sendo verdade até hoje.
  2. ao invés de terem uma data definida de quando aconteceu, temos o há quanto tempo algo acontece, desde quando.
  3. são life experiences – aquelas ações que podemos repetir ou fazer pela primeira vez.
  4. são pontuais e estão no passado, mas aconteceram há pouco tempo e ainda são relevantes no contexto do presente, como o nascimento de um bebê, alguma mudança ou acontecimento importante, uma entrega, enfim, um fato recém ocorrido.

Olha só esta tabela:

I lived in France for a few years when I was younger.I‘ve lived in France since I was a kid.
When did you buy this camera?How long have you had this camera?
She spent three years in London.She‘s lived in Ohio ever since she came back.
Last night‘s party didn’t last much.We haven’t thrown a party in years.
The postman delivered them an hour ago.Your books have arrived.

Ficou com alguma dúvida? Então comenta aqui embaixo! It’ll be a pleasure to help you 🙂

Últimos posts por Redação Equipe (exibir todos)
Se inscreva
Me notifique

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Comentários em linha
Exibir todos os comentários