35 melhores aplicativos para aprender inglês (Atualizado 2018)

Eu não sou fã de utilização de aplicativos e nunca utilizei, com exceção de aplicativos para conversar com estrangeiros.

No entanto, acredito na eficácia da utilização desses aplicativos para aprendizado de inglês em vista que já vi diversos poliglotas elogiando a utilização.

Por isso vou ser extremamente crítico nas minhas escolhas, em vez de apenas lhe passar um monte de aplicativos que farão você ficar mais perdido.

Os aplicativos aqui mostrados serão exclusivamente sobre aprendizado de inglês e podem ter a função de troca de linguagens como adendo.

No momento existem 232 aplicativos sobre aprendizado línguas na Android store. O que pode ser um pesadelo afinal de contas... qual escolher?

Duolingo

O aplicativo, disponível para celulares Android ou IOS, também pode ser acessado no computador, tendo as mesmas funções em ambos os dispositivos.

É um aplicativo GRATUITO, que tem tido boas avaliações dos usuários, por ser intuitivo e não demandar qualquer conhecimento prévio. É, desta forma, bastante indicado para iniciantes.

Os primeiros exercícios são basicamente para relacionar figuras a seus respectivos significados e montagem de orações muito simples (focando bastante no verbo “to be”).

Você vai trabalhar vocabulário básico e construções bem elementares, sendo os primeiros passos bem intuitivos. Funciona bem até mesmo com crianças a partir do 4º ou 5º ano do ensino fundamental, o que não exclui a utilização por adultos, já que não é infantilizado.

Oportunidade: 


Descubra como aprender inglês em 6 meses estudando apenas 30 minutos por dia.

Clique no botão abaixo para assistir a vídeo apresentação.


Com muitos recursos visuais e auditivos, as palavras e frases apresentadas nos exercícios para o usuário são todas pronunciadas por um locutor com vozes feminina e masculina alternadas, recurso super importante no aprendizado e fixação de palavras. A pronúncia é trabalhada desde as primeiras lições.

Um outro recurso legal é o sistema de progresso de estudos. Você começa no nível básico e vai ganhando pontos e pulando de níveis conforme seus acertos, tendo uma meta diária de tempo de dedicação. E o aplicativo ainda te manda um lembrete diário, em seu horário preferido, de que chegou a hora de praticar.

É uma boa ferramenta de iniciação de aprendizagem, dando uma visão inicial da língua. Mas não substitui um curso regular e leituras mais aprofundadas sobre os temas gramaticais ali expostos.

Curso de inglês Hello Hello

O aplicativo é gratuito somente nas duas primeiras fases, sendo necessário pagar para chegar ao final das trinta lições que compreende.

Está disponível para Android e IOS, tendo algumas poucas notificações de falhas técnica. Contudo, aparentemente tais problemas vêm sendo corrigidos nas novas versões.

Pode ser bem utilizado por iniciantes, as lições não são complexas e abordam bem a prática de escrita, leitura e entendimento.

Especialmente para quem está iniciando estudo de conversação, o app pode ser muito útil, pois até nas lições gramaticais, o foco na conversação é mantido, sempre com situações realísticas, afastando-se do padrão arcaico dos materiais de curso de inglês.

O método de ensino é bastante dinâmico e interativo; o usuário aprende através de jogos e muitos recursos visuais, além de importantes recursos que servem de guia de pronúncia. O estudante recebe feedbacks sobre seus exercícios, o que é importante para que você monitore seu próprio progresso.

Outro ponto importante é que o aplicativo, depois de baixado, não depende de internet para funcionar, todo o conteúdo é armazenado internamente.

Vale a pena experimentar as partes gratuitas antes de pagar a versão integral para sentir se o método agrada.

Busuu

Contando com uma boa avaliação entre os usuários em relação ao conteúdo, o Busuu é um site já bastante conhecido no mercado. Antes mesmo de virar um aplicativo para celulares e tablets, o site já oferecia o ensino de idiomas diversos, principalmente o inglês, que é o carro chefe.

No entanto, hoje não é mais totalmente gratuito e funciona com pagamento de mensalidade (atualmente no valor de R$28,90). Até há alguns recursos gratuitos, mas são muito limitados e não oferecem qualquer progressão, servem mesmo para se ter uma ideia de como é a metodologia proposta.

No entanto, constam muitas reclamações sobre cobranças indevidas para pessoas que desejavam apenas baixar a versão gratuita. Portanto, fique atento! No IOS, por exemplo, como a cobrança é feita pelo Itunes, pode ser realizada de forma automática. Apesar dos responsáveis se prontificarem a ajudar, pode ser uma dor de cabeça.

A conta premium dá acesso a vários exercícios interativos, inclusive correção dos mesmos com nativos, além de monitoramento de progressão. Ademais, assinando esta versão paga, você tem acesso não somente ao inglês, mas a todos os 12 idiomas disponíveis na plataforma.

Voxy

Este aplicativo é bastante focado nas necessidades profissionais do estudante, pois é voltado mais para empresas que necessitam oferecer o ensino de inglês a seus funcionários. Oferece aulas particulares e em grupo e não só conteúdo online. Portanto, pode-se dizer que é uma escola online de inglês.

Trata-se de um aplicativo inteiramente pago; ainda que na descrição conste que existe uma parte gratuita, não se consegue acessar praticamente nada. O valor é bem alto em comparação a aplicativos de conteúdo (cerca de US$60,00 mensais), então o custo-benefício deve ser bem analisado antes da compra.

Indicado mais para pessoas que já possuem pelo menos uma base de compreensão e somente para adultos, mais especialmente profissionais que necessitam usar o inglês no trabalho.

Há um grande número de usuários reclamando de bugs, ou seja, problemas técnicos do aplicativo que impedem o uso ou vários de seus recursos, principalmente quando ocorrem as naturais atualizações do software dos smartphones.

É recomendável, caso você seja iniciante, ler atentamente os propósitos e metodologia deste aplicativo e ainda as avaliações dos outros usuários, pois apesar de haver elogios ao conteúdo, há também muitas reclamações da parte técnica, o que pelo valor pago, não deveria existir.

Lingualeo

Este aplicativo tem um forte apelo infantil, tanto pelo estilo de ensino como pelos recursos visuais e interface, tudo bem simples e intuitivo, com temática de selva (“Leo” = Leão).

A maior parte do conteúdo é gratuita, possuindo também uma versão premium paga, que contém lições adicionais de gramática, cursos e treinos direcionados a situações especiais e acesso ilimitado ao dicionário interno.

O valor é bastante acessível, cerca de R$10,00 (dez reais) mensais no plano anual. No entanto, para quem está começando a se aventurar no aprendizado de inglês, vale mais a pena dedicar um tempo na versão básica, pois há muito material a ser explorado, antes de decidir pela compra.

Muitos usuários, entretanto, reclamam da pouca funcionalidade do aplicativo no IOS após as atualizações mais recentes, além de bugs nos recursos audiovisuais. Além disso, há reclamações em razão da versão para PC não ser unificada com a versão para smartphones, ou seja, você não consegue dar continuidade simultânea em um e outro.

No geral, a avaliação não é positiva, sendo as principais reclamações quanto à falta de funcionalidades especialmente no IOS.

Memrise

Em versão gratuita somente até o nível dois, esta é somente para dar a chance do usuário ter uma ambientação. O aplicativo só funciona mesmo na versão paga, cobrada em dólares.

Apesar de ter uma boa interface e um sistema bem intuitivo, o ensino deixa a desejar no quesito “inglês real”. Muitas expressões apresentadas não tem uso no dia a dia e deixa de apresentar situações e falas mais realísticas.

À parte desse problema, o aplicativo é bem completo em termos de conteúdo, sendo bem indicado para iniciantes.

Como sugere o próprio nome, é focado mesmo no método de memorização, então é mais recomendado como auxiliar de um curso com metodologia mais crítica.

No entanto, muitos usuários relatam ser o método aqui utilizado superior a outros apps, exatamente pela didática que favorece a memorização, sendo mais dinâmica que cursos regulares.

De todo modo, o aplicativo está no mercado há bastante tempo e vem agradando estudantes de vários idiomas, não só do inglês. Portanto, pela credibilidade, vale a pena dar uma olhada mais aprofundada e ver se funciona para você.

Rosetta Stone

Chamado pela empresa desenvolvedora de “imersão dinâmica”, o método utilizado neste app é bem conhecido, pois está no mercado há mais de 20 anos.

Vários recursos de audiovisual inspiram o conhecimento intuitivo do aluno. Por exemplo, as associações entre palavras e imagens não são construídas da maneira óbvia que estamos acostumados, mas de uma maneira mais elaborada, estimulando o raciocínio crítico e lógico.

Possui uma tecnologia de reconhecimento de voz muito boa para a prática da pronúncia, além de dar os feedbacks necessários para os exercícios e manter registrado o progresso do aluno.

Há alguns reportes de bugs no aplicativo em suas fases mais avançadas, mas nada diferente de todos os outros aplicativos. Tem uma avaliação muito boa na visão geral dos usuários.

O aplicativo é direcionado a jovens e adultos, não sendo muito amigável a crianças, que não terão a maturidade exigida por certos exercícios.

Aqui, apenas o primeiro módulo é gratuito, servindo para o usuário ter uma ambientação do sistema.  

Babbel

O aplicativo funciona no esquema de tradução das palavras e frases apresentadas em inglês ou português. Oferece exercícios de correspondência entre imagens de objetos e situações e as palavras correspondentes e outros, que vão ficando mais complexo com o passar das lições.

A todo o momento há a pronúncia das palavras e frases e vários exercícios de checagem da sua pronúncia. Há também sincronização entre o acesso no PC e no aplicativo, o que dá flexibilidade ao aluno para usar o dispositivo que achar melhor no momento.

Tem também possibilidade de baixar o conteúdo e usar o app off-line, o que é muito útil para quem não quer gastar a franquia de internet. No entanto, muitos usuários reportaram lentidão e alguns outros problemas nesta versão.

O app é gratuito apenas na primeira fase, no caso do inglês. Para ter acesso às demais lições, deve-se pagar. Há assinaturas por períodos de tempo até um ano, o que acaba saindo bem em conta. De vez em quando, o app lança algumas promoções, vale a pena baixar e estar atento.

50 Languages

Com avaliações bastante positivas tanto na versão para Android como para IOS, vale a pena checar esse app, que é pago em sua versão integral, sendo somente 30% do total gratuito.

A proposta é a seguinte para todas as línguas oferecidas (sim, são 50 línguas disponíveis!): há 100 lições que englobam gramática, vocabulário e pronúncia. As lições são baseadas em situações realísticas, como hotéis, escolas, hospitais, etc. e tem bons recursos audiovisuais, mas nada de excepcional.

O método sugerido é que seja estudada uma lição por dia e regularmente repetidas as lições anteriores para melhor fixação. Ou seja, nada de muito inovador nem estimulante para quem é aprendiz independente.

O conteúdo é bem satisfatório e a versão gratuita abrange bastante material para os níveis mais básicos. Portanto, os iniciantes têm uma boa chance de verificar a qualidade antes de adquirirem todo o pacote.

ABA English

A versão gratuita desse aplicativo dá acesso a todas as 144 videoaulas disponíveis inclusive em modo off-line e a toda gramática oferecida pelo curso, o que é uma grande vantagem para iniciantes. Facilita inclusive a decisão se você está procurando uma escola de inglês.

A versão paga garante acesso a professores online, certificados e outras funcionalidades, acessíveis a todos os níveis de inglês.

Há alguns reportes de problemas relativos a cobranças indevidas e dificuldades para cancelamento, além de alguns problemas técnicos com o modo off-line e no áudio e vídeos. Mas a avaliação no geral é muito boa tanto no Google Play quanto na Apple Store.

Mingoville

Trata-se de uma escola online de inglês para crianças em idade pré-escolar a partir de 3 anos de idade, com aplicativos diversos no Android e IOS.

Os aplicativos tem a versão gratuita (bastante limitada) e a paga. São dedicados a temas diversos, como por exemplo, dizer as horas, comidas, cores, etc.

O aplicativo funciona através de joguinhos bem intuitivos, interface simples e muitas animações. Os áudios são provenientes de falantes nativos, repetidos para boa fixação sem perder o caráter lúdico.

Há boas avaliações por parte dos pais que apresentaram a seus filhos. O inglês apresentado é americano e há alguns conteúdos que remetem à cultura americana, mas no geral é interessante e cumpre sua proposta de divertir.

→ Aplicativos estilo q&a, chat e rede social para conversar com nativos

Hello English

Este aplicativo, com versões para IOS e Android, se apresenta como totalmente gratuito. Porém, como já era de se esperar, ao avançar algumas lições, há vários recursos que só desbloqueiam mediante pagamento. Aliás, não se engane, quase nenhum aplicativo é 100% gratuito.

Apesar de conter alguns erros (traduções para o espanhol ao invés do português e alguns outros errinhos que não comprometem a funcionalidade geral), há pontos bem positivos: você não precisa realizar login ou informar qualquer dado para começar a usar. Além do mais, o sistema é bastante intuitivo e não apresenta qualquer dificuldade para o usuário de qualquer idade.

Bem recomendado para iniciantes, tem uma grande variedade de exercícios gratuitos, o que pode ser uma ótima ferramenta para quem busca uma complementação para um curso regular e não deseja pagar a mais por isso.

Outro ponto positivo é a possibilidade de conversar com outros usuários, o que pode inclusive se converter em uma ferramenta de networking, se bem utilizada.

Os valores cobrados para excluir as propagandas e comprar lições adicionais é acessível – a quantidade de propagandas incomoda um pouco. Mas como a maior parte do app é gratuita, nada mais natural.

Supiki: Prática de conversação falada em inglês

Este aplicativo direciona-se a quem tem um conhecimento básico prévio e quer trabalhar a habilidade de conversação. Com inglês padrão norte-americano, é um sistema de troca entre o app, que fornece o tema da conversa, e o usuário vai respondendo de acordo.

Você também vai recebendo um feedback relativo do seu progresso; contudo, não é uma avaliação real da pronúncia, apenas do tempo que você despende no app, pois não corrige quando há problemas ou dúvidas.

Muitos reclamam que as conversas são chatas e não permitem variação por parte do aluno e ainda da ausência de um dicionário embutido, pois para qualquer checagem é necessário fechar o aplicativo.

A versão integral é paga, somente até a fase 3 se pode acessar gratuitamente. Mas já é um bom material para você avaliar se realmente gosta ou não para decidir sobre a compra.

Há muitas notificações de problemas técnicos por usuários, informando que os recursos visuais desaparecem depois de um tempo de uso. Além disso, muitos reclamam da lentidão e da demora para reconhecer o que está sendo dito.

Tandem

Este aplicativo oferece como carro chefe uma forma de aprender mais sociável: comunicando-se com nativos do mundo todo.

Os recursos são bem limitados na versão gratuita e a versão paga, se a assinatura foi mensal, sai a US$6,99.

Como definido por seus próprios desenvolvedores, o Tandem é uma ferramenta auxiliar de conversação para cursos regulares ou outros aplicativos com propostas sistematizadas de aprendizagem, que tenham panorama evolutivo das lições, como Duolingo ou Babbel, por exemplo.

Alguns usuários reclamam que gostariam apenas da versão gratuita e o app foi cobrado pela Apple Store (no caso do IOS). Além disso, há muitos reportes de bugs, dificuldades em ser aprovado para utilizar e dificuldade em encontrar quem realmente queira conversar do outro lado, sendo esta a maior reclamação.

A ideia parece boa, mas depende muito dos usuários nativos quererem interagir, o que é uma situação bastante precária para quem realmente quer aprender.

Hi Native

O aplicativo se descreve como uma “comunidade global de perguntas e respostas” para estudantes de idiomas. Através do app, você consegue fazer o upload de sua própria voz e testar com falantes nativos a sua pronúncia, checar a correção gramatical, etc., além de poder trocar informações escritas também.

Por ser uma espécie de rede social, não é indicado para crianças sem supervisão adequada.

A versão gratuita não cumpre o propósito, ou seja, nenhuma boa funcionalidade é disponibilizada sem pagar.

Há uma seção de pesquisa de perguntas enviadas por outros usuários, o que é sempre uma boa leitura e uma boa fonte de aprendizagem.

Mesmo só funcionando bem na versão paga, as opiniões dos usuários em geral são boas, exatamente por colocar as pessoas em contato com outros falantes (muito parecido com a proposta do Tandem).

Uma curiosidade: há mais de 120 idiomas disponíveis no app! Portanto, é uma boa fonte de comparação para quem deseja um estudo mais aprofundado.

Cambly

App que online que oferece aulas diretamente com um professor, é uma escola de inglês com professores nativos. As aulas são feitas através de videochamas e o usuário pode optar pelo professor cujo perfil mais lhe agradar.

Com preços a partir de R$29,00 mensais, pode-se optar por aulas individuais ou com um outro aluno, que pode estar e, qualquer outra parte do mundo.

Para aulas individuais e diárias, o valor vai aumentando de acordo com o tempo dispendido na plataforma.

Muitos usuários reclamam de erros no cômputo do pagamento ou a troca do tutor em cima da hora.

Quanto ao conteúdo, é muito bem avaliado pelos estudantes, assim como os profissionais que atendem na plataforma.

Bem indicado para estudantes de todos os níveis, desde iniciantes até para aqueles que pretendem somente praticar conversação com um nativo ou mesmo estudar para um teste internacional.

→ Aplicativos de flash cards e SRS para aprender inglês

APP CRAM

Ferramenta totalmente gratuita, não é bem um sistema de aprendizado, mas um recurso útil para memorizar o que o aluno desejar.

Através do app, você cria seu próprio flashcard - algo como umas fichas em que você escreve um conteúdo mais resumido, uns cartões pautados em que você pode anotar pontos importantes para relembrar posteriormente.

Aqui o próprio usuário fica responsável pela criação do conteúdo e, claro, esta pode ser uma poderosa ferramenta de estudo, tanto para o inglês quanto para qualquer outra matéria.

No entanto, não se trata de app educativo e o material gravado precisa ser retirado de uma fonte confiável.

Para quem pretende fazer alguma prova ou está preparando algum trabalho oral específico, é bastante útil.

Quizlet

Este é mais um modo de praticar o que já se aprendeu. Como o APP CRAM, aqui o próprio usuário cria seus flashcards, com a matéria que for de seu agrado e utiliza os mesmos para efeito de relembrar e / ou memorizar o conteúdo.

No entanto, há muitas listas criadas por outros estudantes às quais se pode ter acesso e, para finalidade específica de aprender a língua inglesa, pode-se fazer uma busca.

É um bom método de memorização e estudo direcionado, mas não se trata de um aplicativo educativo.

O acesso a outros flashcard pode ajudar, mas a fonte não é confiável, já que criada por outros usuários.

É uma ferramenta gratuita e vale a pena para estudantes de qualquer nível que estejam praticando memorização de pontos importantes.

→ Aplicativos de jogos para você aprender inglês

Unlock Your Brain

Aplicativo gratuito disponível somente para Android. Não se trata de um curso, mas de “pílulas” que instigam o usuário a manter a língua presente no dia a dia.

Funciona assim: da primeira vez que é iniciado o aplicativo, o usuário escolhe entre problemas matemáticos ou linguísticos como forma de atuação do app.

Feita a escolha (na parte linguística, são seis idiomas à sua escolha), deve ser selecionado o objetivo ao aprender a língua e o grau de conhecimento da mesma. Após as configurações iniciais e um tutorial de como funciona, toda vez que a tela do smartphone precisar ser desbloqueada, o aplicativo aplicará um pequeno desafio ao usuário.

Além disso, há outras formas divertidas e dinâmicas de treino dentro do app, onde você pode acompanhar o próprio desempenho.

Não tem objetivo de exaurir todas as dúvidas nem mesmo substituir um curso de aprendizagem, mas de manter o estudante sempre em contato com a língua e instigado a aprender novos conteúdos de uma maneira bem divertida e despretensiosa.

MindSnacks – SAT Vocab

O exame chamado PSAT (Preliminary SAT) ou SAT (Scholastic Aptitude Test) é uma espécie de ENEM aplicado nos Estados Unidos para medir o conhecimento de alunos do segundo grau antes do ingresso nas universidades. A maioria das universidades americanas utilizam este teste como parte do processo de aprovação dos alunos.

O aplicativo oferece grande diversidade de vocabulário através de 9 jogos, substituindo o esquema de flashcard apresentado por outros apps de vocabulário.

Além de simplesmente apresentar os termos e a definição, o aplicativo dá o contexto de inserção do termo, antônimos e sinônimos.

Apenas a primeira lição está disponível para uso gratuito, sendo 25 lições no total.

Disponível apenas para IOS, contém a pronúncia das palavras

Lyrics Training

O aplicativo usa letras de músicas e seus clipes originais para aprender inglês, um jeito simples e que sempre deu certo! Por ser interesse de muitos e talvez o item mais acessado da cultura pop, a música é quase sempre um denominador comum.

O usuário vai preenchendo as palavras simultaneamente ao vídeo. Nos primeiros níveis apenas algumas palavras estão em branco para serem preenchida; nos mais avançados, toda a letra está em branco e o vídeo vai pausando enquanto o usuário preenche.

Claramente, é requerido algum conhecimento prévio da língua, os iniciantes enfrentarão dificuldades para decifrar as músicas cantadas.

São milhares de letras de músicas com as respectivas canções disponíveis e o app ainda oferece as músicas que são mais tocadas no momento. Há exercícios de vocabulário e gramática, sempre baseados na letra escolhida pelo usuário, trabalhando também a pronúncia e o listening, tornando a experiência bem dinâmica.

O app é pago e, apesar da proposta divertida, muitos usuários vem relatando problemas técnicos, o que compromete muito a qualidade, ainda mais quando se está pagando pelo conteúdo.

Pili Pop

Indicado para crianças entre 6 e 12 anos, o app traz diversos joguinhos e animações que cumprem bem o papel de entreter enquanto ensinam algumas coisas da língua inglesa.

O aplicativo tem funções gratuitas apenas na fase de teste. Após, somente pagando o valor de acordo com a assinatura escolhida, que pode ser mensal, semestral ou anual. Com isso, não há qualquer anúncio no app, boa funcionalidade para crianças.

O desenvolvedor informa que novas atividades são inseridas todos os meses, o que é muito bom para as crianças não se sentirem entediadas com o conteúdo.

Algumas avaliações inseridas pelas próprias crianças são bastantes positivas, o que é um ótimo indicador.

Funland

A proposta deste aplicativo é ensinar inglês através um joguinho bem simples, baseado em um parque de diversões antigo. Direcionado a crianças entre 7 e 12 anos, tem uma interface e recursos visuais bem simples

Disponível para IOS e Android, o app é desenvolvido pela Universidade de Cambridge e apresenta inglês britânico com a chancela de uma das melhores universidades do mundo.

É um recurso despretensioso para crianças, mais usado para entretenimento educativo do que como curso de inglês.

Vale a pena apresentar aos filhos, já que é totalmente gratuito; não é necessário login nem qualquer rede social, segurança que deve ser cuidadosamente verificada em apps destinado a crianças.

→ Aplicativos para usar de material de estudo

Beelinguapp

Esta é uma ferramenta para exercitar o listening (habilidade de entender o que está sendo dito, necessário para fluência e cobrado em todos os testes internacionais).

Aplicativo gratuito, que contém audiobooks com o texto escrito em inglês (e outras línguas disponíveis no app) e em português, para conferência simultânea. Ao final de cada texto, há um teste de conhecimento respectivo, mas nada muito complexo.

Os áudios também funcionam sem a necessidade de acompanhar o texto escrito, pois continuam mesmo com o telefone em bloqueado.

É uma ótima ferramenta ao passo que o conteúdo do que está sendo lido é interessante e o usuário pode escolher entre muitas opções a que mais lhe agradar.

No entanto, é indicado a quem tem um nível intermediário de inglês, pois a leitura demanda conhecimentos de gramática e vocabulário para a compreensão. Caso contrário, será muito difícil acompanhar a leitura, ainda que seja feita de forma suave e não muito rápida.

LEARN ENGLISH ELEMENTARY PODCASTS

Este aplicativo totalmente gratuito foi desenvolvido pelo British Council, uma organização britânica para relações culturais e educacionais em língua inglesa pelo mundo. Desta forma, o aprendizado acontece em inglês britânico.

Faz parte da série de aplicativos mesmo nome – LEARN ENGLISH – cada um com uma proposta diferente.

Aqui, são apresentados vários episódios falados sobre a vida cotidiana no Reino Unido e diversas conversas entre nativos nestas situações.

Com temas variados e bem leves, está é uma ótima ferramenta para quem busca uma maior compreensão da língua que ultrapasse os limites do inglês americano. Ainda, a percepção auditiva é bastante expandida, pois a maior parte do inglês ensinado no Brasil é americano e muitos testes internacionais não seguem o mesmo padrão.

Uma outra vantagem é a possibilidade de utilização do app off-line e com a tela bloqueada. Você pode ouvir os podcasts enquanto realiza outras atividades. Essa é inclusive uma ótima técnica de imersão na língua, pois o cérebro vai assimilando tudo o que está sendo dito em segundo plano de forma mais natural com o passar do tempo.

English Grammar in Use

Aplicativo relacionado a uma excelente gramática de mesmo nome, pode servir de complemento dinâmico à mesma.

No entanto, não se restringe aos leitores da obra original. O aplicativo tem muitos exercícios e explicações (bem mais simplificadas), contendo 145 unidades de conteúdo ao todo.

Como o próprio nome sugere, trata-se de um aplicativo que contém estudos mais aprofundados na gramática; contudo, pode ser utilizado por estudantes iniciantes, já que segue a evolução do livro, que se inicia na fase básica do conteúdo gramatical.

O aplicativo pode ser baixado para celulares Android e IOS e até mesmo para o Kindle Fire, da Amazon, gratuito em todas as versões somente no nível bem básico. Para ter acesso a todo conteúdo, é necessário pagar.

No entanto, há uma boa vantagem: podem ser adquiridas partes separadas de acordo com a necessidade do usuário. Por exemplo, se você tem problemas com somente determinados tópicos, você paga somente por aquelas lições. Ou ainda pode ir adquirindo ao longo dos estudos, respeitando o seu próprio tempo, da progressão dos estudos, a disponibilidade financeira, etc.

Tanto quanto a gramática escrita, é bem indicado a estudantes independentes, sendo ótimo para quem tem um tempo livre aqui e ali e deseja aproveitar para continuar a aprendizagem.

Learn English Magazine

A assinatura deste app é totalmente gratuita e direciona-se a pessoas que já têm prévio conhecimento da língua e deseja desenvolver e / ou praticar.

Com novos conteúdos em inglês inseridos quinzenalmente, é um curso e um revista, apresentando tanto explicações de gramática quanto artigos e podcasts provenientes do site ESLPod.com. (ESL significa English as a Second Language e é reconhecido internacionalmente como método de ensino da língua).

Desenvolvidos por professores linguistas especialmente para ensinar estrangeiros, é uma plataforma muito interessante por sempre contar com novas matérias e ter várias opções entre leitura, vídeos e áudios para se dedicar ao aprendizado.

Disponíveis para Android e IOS, conta com excelentes opiniões em ambas as plataformas, havendo raras opiniões desfavoráveis, o que é um bom indício de que vale a pena baixar e conferir.

SentenceBuilder

Desenvolvido especialmente para Ipad, não está apto para download em Android, o que é muito limitante, além de possuir somente uma versão paga (R$22,90 na Apple Store).

Elaborado especialmente para crianças, o intuito do aplicativo é ajudar a desenvolver a capacidade de criação de frases gramaticalmente corretas, aliadas a um vocabulário básico, de acordo com a faixa etária alvo.

Com uma interface muito simples, com recurso audiovisuais ricos em cores e muitas animações, pode ser bem útil para entreter as crianças de forma educativa.

Como é dedicado a crianças, o app tem uma característica muito importante: não coleta qualquer dado, não tem link com qualquer rede social e não tem nenhuma propaganda, cuidados importantes a serem tomados hoje em dia com os pequenos acessando a internet.

Faz parte de uma série de apps do mesmo desenvolvedor, todos com característica semelhantes voltados para o universo infantil com finalidades diversas, como conversação, uso de preposições , etc.

ESL Daily English

Esse aplicativo não tem muita aceitação, não tendo sequer uma opinião no IOS; no Android até há boas avaliações, mas há maioria é de anos atrás, não refletindo a realidade atual.

O aplicativo é gratuito com possibilidade de compras. O grande problema aqui é que se trata tão somente de exercícios de listening: os textos são lançados e um locutor os lê. Não há exercícios ou qualquer interatividade, apenas a possibilidade de ouvir os textos sendo narrados.

Pode ter alguma serventia em questões de pronúncia para os usuários iniciantes, pois ao acompanhar o texto escrito e falado, dá pra ter ideia dos fonemas, da pronúncia correta das palavras.

Contudo, há um número limitado de textos e a leitura é na verdade bem maçante, e até os assuntos tratados são bem desinteressantes.

Crianças vão ficar tão entediadas quanto adultos; há muitas outras ferramentas mais úteis e que ocupam menos espaço.

Speak English

Esse app tem uma funcionalidade bem interessante: uma frase é dita e você pode repeti-la e gravar sua própria pronúncia para comparar e avaliar a si mesmo. Uma ideia simples que outros tantos não disponibilizam.

Há uma parte gratuita e a versão paga é muito mais abrangente em termos de vocabulário e gramática, sempre trabalhados através da fala.

Apesar de ser relativamente bem avaliado no IOS e no Android, a maior reclamação é que o sotaque trabalhado é somente o britânico.

Ainda, para iniciantes pode ser um pouco mais complicada a utilização, por não ter a tradução simultânea da palavra ou um dicionário embutido.

How To Say: Pronunciation App

Disponível somente para Android e totalmente gratuito, este aplicativo foi desenvolvido para quem deseja melhorar a pronúncia. Não pretende, portanto, ser um curso sistematizado de conteúdos gramaticais e vocabulário.

A interface é bastante simples, bem como a utilização. Basicamente, o usuário busca pela palavra que deseja saber a pronúncia e o app direciona para o resultado encontrado. Neste, listam-se a pronúncia da palavra por pessoas supostamente nativas.

Contudo, no caso do inglês, pode gerar uma pequena confusão. Como a língua é falada em diversos lugares do mundo e, além disso, é a língua internacionalmente convencionada para comunicação mundial, o resultado vai ser uma miscelânea de sotaques e pronúncias diversas.

 Portanto, não é a ferramenta mais confiável para as nossas necessidades, muito menos para iniciantes, que podem se confundir com erros ou sotaques muito específicos de alguma região.

English News in Levels

A opinião geral sobre este app não é das melhores, contando com uma nota de 3,5 no Apple Store. A maioria das reclamações refere-se a problemas técnicos com o audiovisual, principalmente no IOS, onde os usuários reclamam que o som não funciona.

A proposta é melhorar o nível de inglês através da leitura dos artigos, que são ditados em inglês para conferência simultânea. Então, o usuário precisa já ter algum conhecimento da língua para poder aproveitar o conteúdo.

O método, que é gratuito, não é nada inovador nem dinâmico e baseia-se principalmente na repetição de termos para fixação, o que pode ser bem maçante para a maioria dos estudantes. Também não há exercícios ou outras ferramentas para escapar um pouco do conteúdo, que pode ser encontrado facilmente em outros meios na internet, como no youtube, por exemplo.

Triplingo

Trata-se de uma ferramenta elaborada para auxiliar viajantes internacionais que vão utilizar o inglês ou outras línguas para comunicação.

Através do aplicativo pode-se traduzir instantaneamente através de comando de voz, obter cursinhos rápidos sobre a cultura local, ter acesso a um dicionário off-line, conversor de moedas e outros.

O conteúdo útil somente está disponível na versão paga para IOS ou Android. A vantagem da versão paga é que são 19 idiomas disponíveis, não somente o inglês.

Contudo, alguns usuários reclamam da qualidade do conteúdo, informando não ser realístico o suficiente.

Ademais, serve somente para tradução, não podendo ser considerado um app educativo.

(How to) Pronounce

Aplicativo destinado unicamente à pronúncia, portanto abrange estudantes de todos os níveis.

Funciona da maneira mais simples possível: o usuário digita a palavra ou a frase e o aplicativo pronuncia.

Funciona em modo off-line, todo o conteúdo é armazenado internamente – o que pode ocupar um espaço maior no telefone. No entanto, essa é a única vantagem de se manter o app instalado.

Possui uma boa avaliação dos usuários, mas a maioria é de algum tempo atrás. Hoje em dia, a ferramenta de pronúncia encontra-se disponível no próprio aplicativo do Google ou Safari, tornando este app obsoleto.

Ginger Page

Trata-se de um aplicativo disponível para IOS ou Android que faz checagem de gramática e vocabulário em textos escritos. Utilizando o teclado do próprio telefone, basta digitar o texto que o aplicativo fornece a correção.

Por R$14,90 no IOS ou R$24,90 no Google Play, o aplicativo é bem indicado para estudantes de todos os níveis, já que se trata de uma ferramenta muito útil inclusive para conversas rápidas em inglês.

Há uma ferramenta bem interessante que é a reformulação de frases, que oferece modos alternativos de escrever o texto. Há também um dicionário que contém gírias, sinônimos, antônimos e a opção de escolher entre inglês britânico e americano.

Outra boa ferramenta é a versão para tablet que mostra duas telas simultâneas, para o texto digitado e o traduzido.

Com o uso frequente pode servir para expandir o vocabulário e melhorar de forma definitiva a habilidade escrita.

Summary
Article Name
35 melhores aplicativos para aprender inglês (Atualizado 2018)
Description
Melhores aplicativos que realmente funcionam.
Author
Publisher Name
aprendafalaringles.com.br
Publisher Logo

2
Deixe um comentário

avatar
2 Comment threads
0 Thread replies
1 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
2 Comment authors
Regina Andrade DuarteHear English Recent comment authors

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Hear English
Visitante

Ao aprender idiomas, descobri que podcasts com transcrições eram perfeitos para a prática de ouvir – um desafio, mas um desafio viável. Então, decidi criar meu próprio site para alunos de inglês (‘The Full English Experience’: http://fullenglishexperience.com/), com podcasts, transcrições, questionários e questões de compreensão. Você pode encontrar o podcast aqui: https://itunes.apple.com/gb/podcast/the-full-english-experience/id1268349176?mt=2&ls=1

Espero que você considere adicioná-lo à sua lista. Obrigado.

Regina Andrade Duarte
Visitante
Regina Andrade Duarte

Olá Mário, gostei muito das informações! Quero muito conseguir ouvir e entender o idioma Inglês e falar com um estrangeiro sem medo.