Mantendo a disciplina dos estudos, em quanto tempo será possível alcançar a fluência no inglês?

            Até mesmo quem estuda o idioma há algum tempo pode ter a mesma dúvida, por exemplo: “Estou tendo aulas há dois anos, acho que eu deveria estar fluente, ou quase.”

Quanto tempo mais será preciso para chegar lá?”

Entender quanto do seu tempo é preciso dedicar aos estudos para se tornar fluente em inglês pode ser uma grande motivação ao estudante iniciante, principalmente quando cai a ficha de que este tempo é relativo.

Dependendo de alguns fatores, o processo pode ser mais rápido ou mais lento.

            Aqui estão explicados estes fatores, junto de uma comparação entre três modelos de estudos, para que fique claro como empregar melhor seu tempo para agilizar seu aprendizado.

Por quê o tempo necessário para ser fluente é relativo e como fazer as horas estarem a seu favor

            Levando em consideração um aluno iniciante, partindo de praticamente zero conhecimento do idioma, estima-se que cerca de 800 horas de aula seja suficiente para o domínio fluente do inglês enquanto língua estrangeira, segundo guias internacionais de contagem de horas-aula necessárias, como o Guided Learning Hours (GLH).

Parece muito? E é mesmo. Estudar 800 horas não precisa ser o seu pré-requisito para a fluência, pois este número não engloba:

  • O nível de conhecimento prévio do aluno (pois mesmo o iniciante sabe algo).
  • A qualidade e metodologia das aulas e dos materiais didáticos dentro e fora da aula.
  • A facilidade ou dificuldade do aluno para aprender idiomas estrangeiros.
  • A organização dos estudos pelo aluno.
  • A frequência das aulas (a quantidade de horas de aula por semana).
  • As horas que o aluno estuda além das aulas.

            Ou seja, não somente o período de tempo que leva para estudar 800 horas é relativo, como esta quantidade de tempo em si é questionável. Mas vamos usá-la como referência mesmo assim, para focarmos na questão da frequência e qualidade dos estudos, que se destaca como principais fatores para a definição do período de tempo particular necessário para alcançar a fluência. Quanto mais e melhor se estuda, mais rápido se aprende.

Digamos que você precise mesmo de 800 horas, mas elas englobam todo e qualquer tipo de estudo, e você pode decidir como vai empregá-las. O período que você precisa para completar estas horas pode ser menor, se você segue alguns métodos básicos para estudar, como:

  • Ter contato com inglês todos os dias.
  • Fazer o máximo de horas de aula por semana que possível.
  • Equilibrar o estudo dos 4 aspectos do idioma. (listening, reading, speaking, writing)
  • Estudar com materiais de qualidade. Isso significa que boa parte do seu contato com inglês deverá ser através de materiais didáticos (não somente músicas, filmes e outros meios de contato).

Três formas diferentes de estudar:

três estimativas de tempo diferentes para o iniciante se tornar fluente

  1. Quatro horas de aula ao mês + muitas horas-extra + pouco material didático

            Neste modelo de estudo, a pessoa não tem muito tempo ou dinheiro sobrando para investir em aulas, portanto faz apenas 1 hora de aula por semana, somando 4 horas no mês. Pela simples matemática, ela levaria 200 meses para se tornar fluente, ou seja, mais de 15 anos!

Seu professor de inglês passa alguns conteúdos didáticos como lição-de-casa, e esta pessoa realiza todas as tarefas.

Esta pessoa tem consciência de que precisa estudar bastante por conta própria para aprender mais rápido, então tem contato diário com o idioma: assiste a filmes e séries, escuta música, lê e escreve textos simples em inglês o tempo todo, prestando muita atenção, buscando relacionar o que encontra com os assuntos vistos em aula. A maior parte de suas horas de estudo de inglês se baseiam em materiais não-didáticos, pois ela não busca materiais didáticos por conta própria na internet, não sabe que isto é possível.

Esta pessoa investe mais ou menos 15 horas por semana estudando inglês, além da aula, contando com as lições-de-casa e conteúdos diversos. São 64 horas de estudo no mês, totalizando a necessidade de 12 meses e meio para se tornar fluente.

            Este tempo de um ano para ir do nível básico ao fluente com poucas aulas é possível, sim, porém requer muita organização e comprometimento. Atenção: O mero contato com inglês em um filme não é “hora de estudo” nesta conta, mas sim o tempo estudando de fato com base neste conteúdo.

  1. Oito horas de aulas ao mês + poucas horas-extra + pouco material didático

            Neste segundo modelo, o estudante faz 2 horas de aula por semana, somando 8 horas no mês. Seu professor passa lição-de-casa em todas as aulas, mas ele não faz um terço delas.

Ao contrário do exemplo anterior, esta pessoa não costuma consumir nem produzir conteúdos em inglês e, quando o faz, não presta muita atenção no idioma.

Digamos que as horas-extra de estudo desta pessoa seja, no total, de 2 horas por semana. São 8 horas de aula, mais 8 horas-extra no mês, ou seja, 16 horas de estudo no mês, gerando a necessidade de 50 meses, pouco mais de 4 anos, para que se torne fluente.

  1. Doze horas de aulas ao mês + muitas horas-extra + muito material didático

            O terceiro exemplo é o mais próximo de uma rotina ideal de estudos. Esta pessoa consegue investir bastante tempo para estudar, fazendo 3 horas de aula por semana, 12 horas ao mês, e dispondo de mais 10 horas-extra de estudo por semana, 40 ao mês.

            Com 52 horas de estudo ao mês no total, esta pessoa poderia alcançar a fluência em 15 meses (um ano e três meses), a princípio.

Porém, o grande diferencial deste modelo é o fato de se basear em muito material didático. O estudante recebe mais lição-de-casa apropriada do professor por estar em uma turma mais intensiva e, além disso, sabe que pode pesquisar online por materiais didáticos de apoio aos estudos, não somente ver filmes, etc. Este aluno investe as 10 horas-extra de forma a aproveitá-las ao máximo, sendo guiado por um plano de estudos e uma boa organização.

            Vamos quantificar este aproveitamento máximo como se fossem mais horas de estudo, ou seja, como se o tempo deste estudante rendesse o dobro do tempo do estudante do primeiro modelo: ele estuda o equivalente a 20 horas-extra por semana, na verdade.

            Neste modelo mais ideal, o iniciante se tornar fluente em cerca de 8 meses e meio.

            Lembre-se que estas são estimativas para exemplificar o assunto, e a sua experiência será única. Mas, independente dos fatores particulares ao seu caso, a frequência dos seus estudos e a qualidade do seu material com certeza serão determinantes na rapidez do seu aprendizado.

Suas horas de estudo estão sob seu controle, hora de se organizar!