Interpretação de textos em inglês: um guia com exemplos

Usando 10 questões de interpretação de texto do ENEM, vamos analisar quais são os principais mecanismos aliados do leitor quando é necessário compreender o assunto de um texto em inglês ou informações específicas que ele contém.

O erro mais comum do falante não-nativo de inglês é esforçar-se para traduzir todas as palavras e expressões de um texto para sua língua nativa e, desta forma, “checar” o entendimento. Na verdade, para quem não é fluente no idioma, isto pode gerar ainda mais confusão, pois frequentemente uma mesma palavra terá diversas traduções possíveis, dependendo do contexto e outros detalhes, e uma tradução pontual errônea resultará na compreensão equivocada do texto como um todo.

Oportunidade: Quer aprender inglês rápido? Veja o ranking dos melhores cursos de inglês online – Clique Aqui

Mas não é somente quem está entre o básico e intermediário que poderá cometer esta falha: mesmo quem é fluente em inglês perderá tempo valioso de prova traduzindo totalmente um texto para o português. Independente do seu nível, é importante que você utilize ferramentas de interpretação como as técnicas de skimming e scanning.

Skimming é passar rapidamente por um corpo de texto, notando suas configurações de layout. Geralmente, as palavras-chave presentes no título e gravata de uma notícia de jornal já indicam o assunto e os agentes da ação descrita, por exemplo. Dependendo da questão do ENEM, talvez a resposta esteja estampada na primeira frase.

Scanning é também passar rapidamente pelo texto, mas ao invés de focar em elementos que se destacam no layout, o leitor faz uma varredura: lê o texto inteiro, mas sem parar nas frases confusas. Ao fazer essa passagem rápida por todos os parágrafos, vai notar algumas palavras, expressões e, mais importante, ideias que se repetem. Mesmo sem compreender cada frase contida, o leitor será capaz de indicar do que o texto se trata e qual sua posição à respeito.

É importante lembrar que o ENEM não obriga os vestibulandos a terem determinado nível de inglês, portanto todas as questões podem ser respondidas corretamente também por quem tem o nível básico do idioma, desde que a pessoa seja capaz de aplicar estas ou outras ferramentas de interpretação.

Você vai perceber que, nos comentários de cada exemplo abaixo, iremos avaliar somente como aplicar técnicas de interpretação. Se você procura uma resolução geral de questões do ENEM, você encontrará somente no artigo “50 Questões de Inglês do ENEM Resolvidas e Comentadas”.

Nosso foco no presente artigo é a interpretação de texto possível para alguém no nível básico.

Vamos lá?

Exemplo 1 – ENEM / 2015

Disponível em: http://www.globalwarming.org.

Acesso em: 31 jul. 2012 (adaptado).

A emissão de gases tóxicos na atmosfera traz diversas consequências para nosso planeta. De acordo com o gráfico, retirado do texto Global warming is an international issue, observa-se que

  1.  as queimadas poluem um pouco mais do que os combustíveis usados nos meios de transporte.
  2.  as residências e comércios são os menores emissores de gases de efeito estufa na atmosfera.
  3.  o processo de tratamento de água contribui para a emissão de gases poluentes no planeta.
  4.  os combustíveis utilizados nos meios de transportes poluem mais do que as indústrias.
  5.  os maiores emissores de gases de efeito estufa na atmosfera são as usinas elétricas.

Comentários: As palavras-chave da questão são “maior”, “menor” e afins, ou seja, expressões de comparação. Isso é reforçado e confirmado pela relevância do gráfico. 

Para começar a interpretar o gráfico, é necessário avaliar a veracidade de cada alternativa, portanto verificar se são conteúdo do gráfico por extenso. Na alternativa E, os maiores emissores (portanto a parcela com a maior porcentagem no gráfico) são apontados como as usinas elétricas. Ao avaliar o nome de cada parcela do gráfico, somente “power stations” equivale em sentido à “usinas elétricas”.

Exemplo 2 – ENEM / 2015

Disponível em: http://www.barhampc.kentparishes.gov.uk.

Acesso em: 31 jul. 2012.

Uma campanha pode ter por objetivo conscientizar a população sobre determinada questão social. Na campanha realizada no Reino Unido, a frase “A third of the food we buy in the UK ends up being thrown away” foi utilizada para enfatizar o(a)

  1. desperdício de comida.
  2. desigualdade social.
  3. custo dos alimentos.
  4. escassez de plantações.
  5. reeducação alimentar.

Comentários: Aplicando a técnica de skimming, é possível perceber a relevância da expressão “thrown away” na frase em destaque no enunciado. As palavras-chave da frase são “food” (comida), “buy” (compramos)  e “thrown away” (jogado fora), literalmente descritas na alternativa A. Se algo é comprado e não serve a seu propósito, entende-se desperdício.

Exemplo 3 – ENEM / 2014

“Slow Food”

Slow Food describes a movement created “to counteract fast food and fast life, the disappearance of local food traditions and people’s dwindling interest in the food they eat, where it comes from, how it tastes and how our food choices affect the rest of the world,” according to the movement’s website. More broadly, it involves an emphasis on local and seasonal produce and an adherence to regional cultures. Its goals also include lobbying against the use of pesticides and genetic engineering of food.

Disponível em: http://www.ecomii.com.

Acesso em: 30 set. 2011.

O objetivo do movimento Slow food é

  1. eliminar o hábito de fast food e os efeitos negativos da vida agitada.
  2. unir interesse por alimentação e responsabilidade ambiental.
  3. investir em pesticidas e engenharia genética de alimentos.
  4. tornar globais as tradições locais de alimentação.
  5. transformar as culturas gastronômicas regionais.

Comentários: Mais complexa que as questões nos exemplos anteriores, este enunciado pede uma informação de forma geral. Através da técnica de scanning, percebemos questões de alimentação e de meio ambiente sendo mencionadas repetidamente ao longo de todo o texto. Apesar de outras alternativas tocarem em palavras-chave relevantes, somente a alternativa B apresenta uma opção incontestável enquanto objetivo geral do movimento.

Exemplo 4 – ENEM / 2015

“36 hours in Buenos Aires”

Contemporary Argentine history is a roller coaster of financial booms and cracks, set to gripping political soap operas. But through all the highs and lows, one thing has remained constant: Buenos Aires’s graceful elegance and cosmopolitan cool. This attractive city continues to draw food lovers, design buffs and party people with its riotous night life, fashion-forward styling and a favorable exchange rate. Even with the uncertain economy, the creative energy and enterprising spirit of Porteños, as residents are called, prevail – just look to the growing ranks of art spaces, boutiques, restaurants and hotels.

SINGER, P. Disponível em: http://www.nytimes.com.

Acesso em: 30 jul. 2012.

 Nesse artigo de jornal, Buenos Aires é apresentada como a capital argentina, que

  1.  foi marcada historicamente por uma vida financeira estável, com repercussão na arte.
  2.  teve sua energia e aspecto empreendedor ofuscados pela incerteza da economia.
  3.  manteve sua elegância e espírito cosmopolita, apesar das crises econômicas.
  4.  parou de atrair apreciadores da gastronomia, devido ao alto valor de sua moeda.
  5.  foi objeto de novelas televisivas baseadas em sua vida noturna e artística.

Comentários: Neste exercício novamente, scanning se mostra necessário antes do skimming. Para compreender a visão do autor sobre a capital, é necessário fazer esta varredura do texto cujo objetivo ou assunto geral é esta apresentação da cidade. Você irá localizar palavras-chave que se repetem mantendo o sentido na alternativa C: graceful elegance, cosmopolitan cool, uncertain economy. Para perceber de fato o sentido com o qual as expressões são usadas, é necessário notar algumas palavras-chave a mais: even with…, prevail, one thing, remained constant, e por aí vai.

Exemplo 5 – ENEM / 2015

My brother the star, my mother the earth

my father the sun, my sister the moon,

to my life give beauty, to my

body give strength, to my corn give

goodness, to my house give peace, to

my spirit give truth, to my elders give

wisdom.

Disponível em: http://www.blackhawkproductions.com. Acesso em: 8 ago. 2012.

Produções artístico-culturais revelam visões de mundo próprias de um grupo social. Esse poema demonstra a estreita relação entre a tradição oral da cultura indígena norte-americana e a

  1.  importância dos elementos da natureza.
  2. dependência da sabedoria de seus ancestrais.
  3. transmissão de hábitos alimentares entre gerações.
  4. representação do corpo em seus rituais.
  5. preservação da estrutura familiar.

Comentários: Aplicando as técnicas de interpretação, percebe-se que o conceito que se repete ao longo de todo o texto é natureza. Notando diversas palavras-chave que são elementos da natureza, a alternativa A se torna a única possível.

Exemplo 6 – ENEM / 2015

RIDGWAY, L. Disponível em: http://fborfw.com. Acesso em: 23 fev. 2012.

Na tira da série For better or for worse, a comunicação entre as personagens fica comprometida em um determinado momento porque

  1. as duas amigas divergem de opinião sobre futebol.
  2. uma das amigas desconhece a razão pela qual a outra a maltrata.
  3. uma das amigas desconsidera as preferências da outra.
  4. uma das amigas ignora que o outono é temporada de futebol.
  5. as duas amigas atribuem sentidos diferentes à palavra season.

Comentários: Apesar de ser bem mais rápido resolver esta questão se você souber o significado da palavra season, também é possível respondê-la sem compreender o que é falado na tirinha. Notando que, na primeira fala, é estabelecida a relação da personagem com essa palavra e que, nas duas últimas, ela utiliza uma afirmativa e uma negativa para explicar do que estava falando, se torna possível deduzir a alternativa E. A suspeita se confirma se o vestibulando for capaz de reconhecer palavras-chave como “talking” e “autumn”.

Exemplo 7 – ENEM / 2014

“A Tall Order” 

The sky isn’t the limit for an architect building the

world’s first invisible skyscraper.

 Charles Wee, one of the world’s leading high-rise architects, has a confession to make: he’s bored with skyscrapers. After designing more than 30, most of which punctuate the skylines of rapidly expanding Asian cities, he has struck upon a novel concept: the first invisible skyscraper.

As the tallest structure in South Korea, his Infinity Tower will loom over Seoul until somebody pushes a button and it completely disappears.

When he entered a 2004 competition to design a landmark tower, the Korean-American architect rejected the notion of competing with Dubai, Toronto, and Shanghai to reach the summit of man-made summits. “I thought, let’s not jump into this stupid race to build another ‘tallest’ tower,” he says in a phone conversation. “Let’s take an opposite approach — let’s make an anti-tower.”

The result will be a 150-story building that fades from view at the flick of a switch. The tower will effectively function as an enormous television screen, being able to project an exact replica of whatever is happening behind it onto its façade. To the human eye, the building will appear to have melted away.

It will be the most extraordinary achievement of Wee’s stellar architectural career. After graduating from UCLA, he worked under Anthony Lumsden, a prolific Californian architect who helped devise the modern technique of wrapping buildings inside smooth glass skins.

HINES, N. Disponível em: http://mag.newsweek.com.

Acesso em: 13 out. 2013 (adaptado).

 No título e no subtítulo desse texto, as expressões A Tall Order e The sky isn’t the limit são usadas para apresentar uma matéria cujo tema é:

  1. Construção de altas torres de apartamentos nas grandes metrópoles da Ásia.
  2. Competição entre arquitetos para a construção do edifício mais alto do mundo.
  3. Técnicas a serem estabelecidas para a construção de edifícios altos na Califórnia.
  4. Confissões de um arquiteto que busca se destacar na construção de arranha-céus.
  5. Inovações tecnológicas usadas para a construção de um novo arranha-céu em Seul.

Comentários: Aqui, é necessário scanning e atenção à cronologia dos fatos no texto. Lendo os primeiros parágrafos, já obtém-se a resposta na alternativa E. Há de se suspeitar que a resposta estará no início do texto, afinal o enunciado pede uma explicação das expressões no título e subtítulo na forma de um resumo da matéria. De fato, todo texto jornalístico costuma apresentar o assunto da notícia nas frases iniciais.

Exemplo 8 – ENEM / 2015

Why am I compelled to write? Because the writing saves me from this complacency I fear. Because I have no choice. Because I must keep the spirit of my revolt and myself alive. Because the world I create in the writing compensates for what the real world does not give me. By writing I put order in the world, give it a handle so I can grasp it.

ANZALDÚA, G. E. Speaking in tongues: a letter to third

world women writers. In: HERNANDEZ, J. B. (Ed.).

Women writing resistance: essays on Latin America and the Caribbean. Boston: South End, 2003.

Gloria Evangelina Anzaldúa, falecida em 2004, foi uma escritora americana de origem mexicana que escreveu sobre questões culturais e raciais. Na citação, o intuito da autora é evidenciar as

  1. possibilidades de mudar o mundo real.
  2. compensações advindas da escrita.
  3. escolhas que ela faz para ordenar o mundo.
  4. razões pelas quais ela escreve.
  5. maneiras de ela lidar com seus medos.

Comentários: Ao pedir o intuito da autora, o enunciado refere-se à primeira frase. Nela, nota-se uma interrogação com as palavras-chave “why” e “write”.

Há diversos outros pontos que poderiam auxiliar na resposta, mas esta simples aplicação de skimming aponta para alternativa D.

Exemplo 9 – ENEM / 2015

Transportation Security Administration. Disponível em: http://www.tsa.gov.

Acesso em: 13 jan. 2010 (adaptado).

 As instituições públicas fazem uso de avisos como instrumento de comunicação com o cidadão. Esse aviso, voltado a passageiros, tem o objetivo de

  1. apresentar desculpas pelo dano causado à mala durante a viagem.
  2. dar instruções de como arrumar malas de forma a evitar inspeções.
  3. notificar o passageiro pelo transporte de produtos proibidos.
  4. solicitar que as malas sejam apresentadas para inspeção.
  5. informar que a mala foi revistada pelos oficiais de segurança.

Comentários: Aplicando scanning, o leitor percebe que a palavra “inspection” se repete muito. É possível chegar à alternativa E por simples lógica e bom-senso a partir da palavra “aviso” no enunciado e sabendo que é normal oficiais de segurança revistar malas de passageiros. No mais, a palavra “notice” no título pode lembrar “notificar”, que é sinônimo de avisar e informar.

Exemplo 10 – ENEM / 2015

Prior to taking retirement and selling off his land, a farmer needed to get rid of all the animals he owned, so he decided to call on every house in his village. At houses where the man was the boss, he gave a horse; at houses where the woman was the boss, he gave a dairy cow.

Approaching one cottage, he saw a couple gardening and called out, ‘Who’s the boss around here?’

‘I am,’ said the man.

The farmer said: ‘I have a black horse and a brown horse. Which one would you like?’

The man thought for a minute and said, ‘The black one.’

‘No, no, get the brown one,’ said his wife.

The farmer said, ‘Here’s your cow.’

TIBBALLS, G. The book of senior jokes.

Great Britain: Michael O’Mara, 2009 (adaptado).

 O texto relata o caso de um fazendeiro prestes a se aposentar e vender sua fazenda. O aspecto cômico desse texto provém da

  1. constatação pelo fazendeiro da razão de sua aposentadoria.
  2. indecisão dos cônjuges quanto à melhor escolha a ser feita no momento.
  3. opinião dos vizinhos referente à forma de se livrar dos animais.
  4. percepção do fazendeiro quanto à relação de poder entre o casal.
  5. agressividade da esposa relacionada a um questionamento inocente.

Comentários: Aplicando as técnicas que aprendemos no artigo, você deve ter notado as palavras-chave “boss”, “woman”, “man”, “horse” e “cow” ao longo do texto. Percebendo que o fazendeiro dá uma vaca para o casal após a esposa responder sua preferência, e que isso está ligado à “boss”, portando à resposta do marido “I am”.

Este exercício é mais complexo que a maioria dos trabalhados no presente artigo pois demanda que o leitor aplique ambas as ferramentas de scanning e skimming, além de retornar ao texto para certificar-se que não se trata da alternativa B, que pode ser erroneamente deduzida após notar-se a divergência de opiniões quanto à escolha do animal.


Não Fique de Fora:

E, se você está procurando algo definitivo, do básico a fluência, e nada que você já tentou deu certo. Veja se você já não viu essas opções que já ajudaram mais de 1300 pessoas a aprender inglês fluente. Clique no botão abaixo para ver:


redes sociais:

Recomendados para você:

    Últimos posts por Arantxa Pellicer Meira (exibir todos)
    Se inscreva
    Me notifique

    Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

    0 Comentários
    Comentários em linha
    Exibir todos os comentários