No inglês americano, utiliza-se Burned.

No inglês britânico, utiliza-se Burnt.

Ambos significam queimou/queimado.

As diferenças entre o inglês britânico e americano confundem a todos, sem exceção. Isso se dá porque há particularidades nos dois idiomas, como pronúncia e grafia. Nessa perspectiva, decidimos falar sobre um termo e suas variações: burned e burnt.

Inicialmente, é importante mencionar que, no inglês americano, o verbo “to burn” é regular.

Logo, “burn” é a forma no presente e burned no passado e particípio passado. No inglês britânico, o verbo “to burn” é irregular. Sendo assim, “burn” é a forma no presente e “burnt” no passado e particípio passado.

Acompanhe:

Martha decided to go to the gym. She needs to burn calories.

Martha decidiu ir à academia. Ela precisa queimar calorias.

Anne decided to burn her clothes.

Anne decidiu queimar suas roupas.

Burned e burnt significam queimado/queimou. Com isso, podem aparecer como um verbo ou substantivo.

Para melhor compreensão, observe os exemplos a seguir:

I burnt my finger. Ou

I burned my finger.

Eu queimei meu dedo.

Karl burned his skin. Ou

Karl burnt his skin.

Karl queimou a pele.

A man burned the farm. Ou

A man burnt the farm.

O homem queimou a fazenda.

Chris’ house was completely burned. Ou

Chris’ house was completely burnt.

A casa da Chris estava completamente queimada.

Sabemos que as diferenças em alguns contextos podem ser imperceptíveis. A única maneira de identificar as diferenças ortográficas é ler publicações, notícias, assistir séries e filmes tanto britânico quanto americano. À medida que o seu vocabulário for aumentando, você conseguirá identificar as nuances sem esforço.

Paralelo a isso, revise os conteúdos aprendidos. Você perceberá que todas as dicas podem te ajudar bastante no dia a dia.

Conte com a gente para o que precisar!

See you later!