Como usar o “there is” e “there are” – Gramática Explicada

“There is” e “there are” são verbos, embora não pareçam!  Trata-se do verbo “haver” ou “existir” em inglês.

“Is” e “are” são variações do famoso verbo “to be”, que pode significar “ser”, “estar” ou “haver”, dependendo do contexto.

Por exemplo, vou dizer o que há aqui ao meu redor neste momento, em inglês:

There is a notebook by here my side.

There are some small boxes in my room.

Acabei de indicar a existência de um caderno e de algumas caixas aqui perto de mim!

Claro que você notou que o verbo tem formas diferentes nessas duas frases, não é? Mas não é nada complicado:

“There is” indica a existência de apenas uma coisa (objeto, pessoa etc.) e “there are” indica a existência de duas ou mais coisas (objetos, pessoas etc.).

Portanto, você precisa estar atento ao que exatamente existe. Por exemplo, se você quer dizer que há (existe) uma loja nova na sua rua, você diz:

There is a new store in my street.

E se você quiser dizer que há dez novas lojas em sua rua, você diz:

There are ten new stores in my street.

Talvez o que torne um pouco difícil usar “there is” ou “there are” seja o fato de que nós estamos usando menos o verbo “haver” no dia a dia e, por isso, ficamos desacostumados com ele. Veja só, nós dizemos:

Tem uma mulher estranha lá embaixo…

O que significa que:

Há/Existe uma mulher estranha lá embaixo.

Na prática, “tem uma mulher” significa “há uma mulher”, percebe? O verbo “ter” tem o sentido de posse, mas nós o usamos para significar “existência” no português informal; em inglês, o verbo “ter” é “to have”, mas ele NÃO é usado para indicar existência, ok? Nós é que fazemos dessa forma em português – cuidado para não passar desse jeito para o inglês!

Em inglês, usa-se o verbo “there is” ou “there are” para indicar existência, e só ele.

A frase acima, em inglês, fica assim:

There is a strange woman down there.

Lembre-se: “there is” e “there are” = verbo haver/existir

Veja agora como fazer a negativa desse verbo:

There is not a single seat left in the theatre. (ou: There’s not a single seat left in the theatre.)

There are not new apartments in this block.

Você também notou que, no primeiro caso, é possível contrair a forma: “there is” = “there’s”, não é? No caso de “there are”, não se costuma fazer a contração devido à pronúncia, que gera uma cacofonia (tente dizer em voz alta: “there’re”), ok?

E, para terminar, veja como você faz perguntas sobre a existência ou não de alguma coisa ou pessoa:

Are there colored cars through the streets of your city?

Is there a toilet here, please?



Artigo revisado por Francine Oliveira (bacharela e licenciada em Língua Inglesa e suas Literaturas pela UFSJ).

Caso você queira aprender como aprender com textos em inglês com áudio e ter acesso a mais de 160+ textos com áudios em inglês. Veja nosso curso completo autodidata.

0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comments
Inline Feedbacks
View all comments
Free Download

Cronograma Autodidata Para Aprender Inglês Básico Em 34 Dias

Baixe agora clicando no botão abaixo
DOWNLOAD NOW
close-link
0
Would love your thoughts, please comment.x